Súplica à Imaculada Conceição

By Anonymous painter ([1]) [Public domain], via Wikimedia Commons

Oração extraída do Pequeno Ofício da Imaculada Conceição

Santa Maria, Rainha dos céus, Mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo e dominadora do mundo, que a ninguém desamparais nem desprezais; ponde, Senhora, em mim, os olhos de vossa piedade e alcançai-me de vosso amado Filho o perdão de todos os meus pecados, para que, venerando agora, afetuosamente, a vossa Imaculada Conceição, consiga depois, a coroa da eterna bem-aventurança: por mercê do mesmo vosso Filho Jesus Cristo, Senhor nosso, que com o Pai e o Espírito Santo vive e reina em unidade perfeita, Deus, pelos séculos dos séculos. Amém.

V. Protegei Senhora, a minha oração.
R. E chegue até Vós o meu clamor.
V. Bendigamos ao Senhor.
R. Demos graças a Deus.
V. As almas dos fiéis defuntos, por misericórdia de Deus, descansem em paz.
R. Amém.

O dogma da Imaculada Conceição da Virgem Maria foi proclamado pelo Papa Pio IX em 8 de dezembro de 1884:

“Pela inspiração do Espírito Santo Paráclito, para honra da santa e indivisa Trindade, para glória e adorno da Virgem Mãe de Deus, para exaltação da fé católica e para a propagação da religião católica, com a autoridade de Jesus Cristo, Senhor nosso, dos bem-aventurados Apóstolos Pedro e Paulo, e nossa, declaramos, promulgamos e definimos que a Bem-aventurada Virgem Maria, no primeiro instante de sua conceição, foi preservada de toda mancha de pecado original, por singular graça e privilégio do Deus Onipotente, em vista dos méritos de Jesus Cristo, Salvador dos homens, e que esta doutrina está contida na Revelação Divina, devendo, portanto, ser crida firme e para sempre por todos os fiéis” (Ineffabilis Dei, 42).

Veja também: Oração à Virgem Imaculada antes dos estudos

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: